O ano de 2014 foi muito bom para o nosso segmento, pelo menos pra mim foi maravilhoso.

Existem muito indicadores de que 2015 será um ano difícil, vários profetas econômicos, que além de predizerem toda sorte de infortúnios para o novo ano, ainda fazem questão mostrar seus gráficos, seus achados em tendências para confirmarem suas afirmações.

Eu acredito piamente que 2015 também será maravilhoso, assim como foi 2014.

Vi num pedaço de um vídeo hoje, que a economia externa não deve nos afetar, somente eu posso afetar a minha economia.

Para resolver o nosso problema pessoal, não precisamos que o País inteiro esteja lindo e maravilhoso. Para solucionar a maioria das nossas necessidades serão necessários proporcionalmente pouquíssimos recursos.

Diante disso, a nossa classe inteira deve se encher de esperança e partir para a batalha confiante que já ganhou, e iremos vencendo mês a mês, cada mês uma batalha e, em 31 de Dezembro, teremos ganho essa guerra de mais um ano.

Devemos nos juntar cada um como uma formiguinha em um grande formigueiro, cada um fazendo sua parte, vamos criar e dar esperança, mesmo àqueles que acreditam em previsões negativas.

Assim, diminuiremos drasticamente as possibilidades de essas profecias negativas se cumprirem em nossas vidas.